novembro 26, 2016

Aprovado PL que vai permitir ligação de luz na Vila Esperança

Posted in Uncategorized às 8:07 pm por redestyllus


Por unanimidade(10 a 0), a Câmara Municipal de Portão aprovou, na Segunda-feira, 21 de novembro o Projeto de Lei 45 / 2016, que, na prática, vai viabilizar a ligação de energia elétrica na Vila Esperança, onde vivem cerca de 60 famílias. Atualmente, o núcleo residencial, vizinho ao loteamento Flamboyant, no bairro São Jorge, tem apenas abastecimento clandestino de luz.

Ao debater a matéria, João Pedro Gaspar dos Santos(PT) disse que o PL é parte de um processo maior de regularização da Esperança. “Já havíamos aprovado um projeto no mesmo sentido em 2014, mas após estudos topográficos apareceu um erro na metragem original da área.

Hoje estamos, portanto, corrigindo a situação, o que é importante para ligar a luz e, posteriormente, buscar mais infraestrutura”, relatou.

José Volmar Wogt(PDT) lembrou que o caso gerou desgastes e até ameaças contra Vereadores, porque havia comentários de que a Câmara era responsável pela fato da energia não chegar à vila.

“Andaram dizendo que nós havíamos nos negado a votar o projeto que liberava a luz. Mas é preciso esclarecer que não houve omissão nossa. Se no passado não foi possível resolver, foi porque teve erro redacional ou de medida das terras”, ressaltou o pedetista.

Jorge Rodrigues Flores(PSB) contou que apoia a iniciativa há três anos e até já participou de audiências judiciais que visavam um acordo para regularizar a Esperança. “Os moradores contrataram um arquiteto para medir a área.

Só que houve um erro e agora esse projeto é para corrigi-lo. Nós, Vereadores, não tivemos culpa. Pelo contrário. Queremos que tudo se resolva e nossa parte temos feito”, explicou o socialista, que salientou a importância da luz inclusive para a segurança pública.

Ari de Oliveira(SD) narrou que durante a campanha eleitoral deste ano a comunidade cobrava seu empenho com relação ao assunto, mas ele explicava que a solução não estava nas mãos do Legislativo. “Hoje eles têm luz só porque usam da vizinhança”, lamentou.

Ailton Coelho(SD) destacou que é urgente regularizar a rede elétrica, porque as conexões clandestinas expõem as famílias a risco iminente. “Seria bom que a AES Sul acelerasse esse processo para que no Natal a luz já estivesse ligada.”(Redaçao: Assessoria de Imprensa da Câmara de Portão DRT 000239/2009-97)

img_7280-ari-de-oliveira-sdd-um-esta

img_9769-joao-pedro-nova-agosto-2016

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: