setembro 6, 2016

Câmara debate paralisação das obras de creches

Posted in Uncategorized às 3:44 pm por redestyllus


Responsável pela construção de duas creches no município — uma no Jardim Cecília e uma no Parque das Hortênsias — a MVC Componentes Plásticos foi criticada por vereadores na sessão plenária desta segunda, dia 6 de setembro, em função de não ter concluído as obras.

Diego Martins(PMDB) declarou repúdio contra a construtora por não ter honrado os contratos, o que prejudica as centenas de famílias que esperam pelas novas unidades para matricular os filhos.

Segundo ele, a empresa diz que só vai retomar o projeto no ano que vem, desde que haja reajuste financeiro, exigência que o Vereador não considera justa, já que o Município, ao contrário da MVC, cumpriu suas obrigações contratuais.

Conforme o peemedebista, a Prefeitura de Portão vai ingressar na Justiça com uma ação por danos morais e também vai rescindir o contrato que previa a construção da escola infantil no Parque das Hortênsias, que só teve a base feita até agora e segue parada desde outubro de 2015.

Ao mesmo tempo, o Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE) vai abrir nova licitação para que essa unidade seja erguida em sistema convencional de alvenaria, e não em chapas de fibra de vidro, como a do Jardim Cecília, cuja execução está paralisada desde março deste ano.

O caso é grave, diz Diego, e agora está sob investigação do Tribunal de Contas da União(TCU). “Não é justo o Município, muito menos nossas crianças, terem de pagar pelos erros da MVC, uma empresa oriunda da junção da Artecola com a Marcopolo”, frisou o Vereador, que exige pressão em cima do FNDE para que o sistema de chapas seja substituído pelo de alvenaria o quanto antes.

Para o presidente da Câmara, Gerson Roza(PMDB), trata-se de uma questão urgente concluir a creche do Jardim Cecília, porque parte da estrutura já apresenta danos e parte já foi furtada.

“Vamos nos unir à Famurs, que está ajudando todos os 24 municípios com o mesmo problema, para que o FNDE, no caso da escola do Parque das Hortênsias, autorize a execução da creche em concreto”, salientou.

O vereador Silvio Luiz Soares(PTB), declarou apoio à causa. “O que a MVC fez no País inteiro foi uma grande falcatrua e quem paga é a nossa população”, lamentou.(Redação: Assessoria de Imprensa da Câmara de Portão DRT 000239/2009-97)

IMG_2297 Gérson Roza

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: