dezembro 10, 2015

Reunião regional de segurança atingiu seus objetivos

Posted in Uncategorized às 4:37 pm por redestyllus


O balanço que pode se fazer da reunião regional de segurança na Câmara de Vereadores de Portão foi produtiva pois segundo o próprio Vereador José Volmar Wogt(PDT) “a idéia foi buscar a união dos poderes em torno do tema segurança, tirar encaminhamentos, e reunir um grupo de pessoas para dar continuidade fazendo com que as reivindicações se tornem realidade; quanto ao público de trinta e cinco pessoas foi qualificado”.

          Presentes o comandante do Comando Regional de Polícia Ostensiva(CRPO) do Vale do Caí, coronel Leodimar Aldo Mantovani; Marcelo Farias Pereira, titular da 1ª Delegacia de Polícia Regional, com sede em Montenegro; Tenente Coronel Dutra; Major Giordano; Deputado estadual do PDT Enio Bacci; Assessor do Deputado estadual Mauricio Dziebrick, Percival de Oliveira; prefeita Maria Odete Rigon; Vereadores Diego Martins(PMDB), José Volmar Wogt(PDT), Jorge Rodrigues Flores(PSB), Gérson Roza(PMDB) e João Pedro Gaspar dos Santos(PT).

Em determinado momento a reunião passou a ser um debate centralizado entre o coronel Leodimar Aldo Mantovani e o Deputado estadual Enio Bacci.

O deputado Bacci defendeu que “a segurança deve estar acima do interesse da hora, político, tendo continuidade; precisamos elevar a auto-estima do policial prestigiando ele com salários compatíveis e os comandantes aplaudirem suas ações em prol da segurança; há décadas existe o prende e solta; o policial tem de prender e se orgulhar disso; o poder Judiciário é que não está cumprindo a sua missão”.

Em outro momento Enio Bacci comentou “não temos política de abordagem; tenho várias projetos e iniciativas nesta área; o crime esta muito organizado com comando a arrombamentos e explosão de banco movimentando cerca de dois milhões por final de semana, dinheiro utilizado para comprar armas e pagamento de corrupção; hoje a droga está em segundo plano”. Vale ressaltar que Bacci já foi Secretário de Segurança.

O coronel Leodimar Aldo Mantovani citou “temos limites com dez países bem com cem Municípios ou vila e 16 mil km para patrulhar as fronteiras; o artigo 129 da Constituição prevê o policiamento externo dos presos, uma decisão pessoal dos líderes da época; hoje as horas extras estão controladas e precisa ter previsão orçamentária”.

Gélson Machado, chefe do setor de investigação da DP de Portão afirmou “no Município em 2015 tivemos 13 homicídios tentados e 18 consumados, o que fecha o balanço com 31 sendo 60% elucidados; Portão hoje já tem a presença de facções utilizando armamentos pesados; precisamos maior apoio da comunidade”.

IMG_6684

IMG_6688

IMG_6690

IMG_6695

IMG_6696

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: