agosto 26, 2016

Posted in Uncategorized às 4:45 pm por redestyllus

Foto um apresentação

Posted in Uncategorized às 4:44 pm por redestyllus

Horebe nova 26 de agosto de 2016

Posted in Uncategorized às 4:42 pm por redestyllus

CARTÃO MOTOBOY JPG WHATS

agosto 25, 2016

Câmara se mobiliza com a São Jorge por mais segurança

Posted in Uncategorized às 5:06 pm por redestyllus

Ao participar de reunião na São Jorge na Quarta-feira, 24 de agosto à noite, em que se debateu o crescimento da criminalidade no bairro, o Poder Legislativo de Portão se comprometeu a tomar duas providências: solicitar nos próximos dias uma força-tarefa composta pela Polícia Civil, Conselho Tutelar e Ministério Público a fim de reduzir a circulação de adolescentes à noite pelo bairro e em outros pontos da cidade, além de agendar reunião com a Secretaria de Segurança Pública com o intuito de reivindicar plantão 24 horas na Delegacia de Polícia de Portão.

“Continuamos enfrentando esse dilema do deslocamento de policiais e viaturas até São Leopoldo à noite e finais de semana para registro de ocorrências, o que prejudica o policiamento ostensivo no município”, explica o Vereador João Pedro Gaspar dos Santos(PT), que coordenou a reunião ao lado do colega Diego Martins(PMDB).

Também participaram do encontro e apoiam a mobilização o presidente da Câmara, Gerson Roza(PMDB), mais os vereadores Ari de Oliveira(PDT), Jorge Rodrigues Flores(PSB), Silvio Eurico da Silva(PMDB) e Ailton Coelho (SD).

Além de moradores, estiveram presentes pais de alunos das escolas Vila São Jorge e ETEP, diretores da associação de bairro e o comandante da Brigada Militar de Portão, capitão Ademir Henz.

A avaliação dos Vereadores é que se trata de uma questão complexa cuja solução depende, também, da própria comunidade. “As famílias precisam dar a devida a atenção a seus filhos. E os moradores em geral precisam denunciar situações suspeitas e, se há algum delito, fazer o registro. Porque é com base em estatísticas que a cúpula da polícia planeja suas ações, designa ou não mais policiais e libera ou não mais horas extras”, salienta Diego.

Ainda no que cabe à população para o aumento da segurança, João Pedro citou o caso do Complexo Desportivo Municipal, o “Parcão”, onde o consumo de drogas fica facilitado à medida que as famílias não o frequentam.

“As pessoas precisam ocupar os espaços públicos e seguirem unidas em torno deste propósito por mais segurança. Locais ermos só favorecem a concentração de suspeitos”, alerta.

Segundo os Vereadores, o comandante da BM determinou a intensificação do patrulhamento no bairro mediante o emprego de uma equipe exclusiva para a missão, porque houve aumento da cota das horas extras na Companhia local.

Neste sentido, convém que a comunidade se acostume às abordagens dos brigadianos. “Não raro, as pessoas primeiro reclamam de falta de policiamento e, quando tem abordagem, reclamam também. Estamos perdendo o senso de comunidade”, alerta Diego.

Na opinião do presidente Gerson Roza, outro passo importante é os pais pararem de terceirizar a educação dos filhos. “Olha o caso dos 85 adolescentes apreendidos nos inferninhos do Centro de Porto Alegre, na última semana.

Teve jovem que foi levado para casa pela Brigada porque nem telefonando e avisando os pais foram buscá-los. Dizem que não podem mais com a vida deles, mas é um absurdo”, critica.(Redação: Assessoria de Imprensa da Câmara de Portão DRT 000239/2009-97 // Fotos: Divulgação / Câmara)

reunião na São Jorge

reunião na São Jorge2

Câmara aprova 18 alterações no Plano Diretor

Posted in Uncategorized às 5:04 pm por redestyllus

Dezoito alterações na Lei do Plano Diretor do Município foram aprovadas pelo Poder Legislativo em sessão plenária realizada na Segunda-feira, 22 de agosto. Por unanimidade(10 a 0), os Vereadores autorizaram o Executivo fazer as alterações que, segundo a prefeita Maria Odete Rigon, vêm de requerimentos e de situações levantadas pelo setor de Planejamento do Município. Todas as modificações já foram avalizadas pelo Conselho Municipal do Plano Diretor.

Antes de o PL ir a plenário, a Comissão de Constituição, Justiça e Redação teve reunião(foto) com os responsáveis técnicos do setor de Planejamento e servidora da Procuradoria Geral do Município a fim de entender, uma a uma, as 18 alterações na legislação.

O presidente da CCJR, Diego Martins, disse que a cautela é necessária porque se trata de assunto complexo e com impacto no dia a dia da comunidade.

“São situações de extrema relevância que decorrem do crescimento da cidade. Temos de ter todo o cuidado, por exemplo, para evitar a especulação imobiliária”. pondera.

Silvio Soares(PTB) disse que as medidas de ajuste ao plano são “um ganho para a cidade”. Para José Volmar Wogt, o novo texto legal é uma prioridade, porque entre as conseqüências dele está não apenas a permanência de uma indústria em Portão, mas também a transferência da sede da empresa, de Bento para cá, o que significa a abertura de ao menos 100 postos de trabalho.

“Esse empresário já havia decido ir embora porque a área onde está instalado precisa ser zona mista. É uma pendência de dois anos, mas que agora fica resolvida”. enaltece.

De acordo com João Pedro Gaspar dos Santos, a matéria em debate precisa ser conduzida com responsabilidade e conhecimento, porque regula o zoneamento da cidade.

“Cada alteração exige muito cuidado. Estamos dando o ok para novos empreendimentos, transformando zonas industriais em mistas devido a situações consolidadas.

Áreas hoje rurais serão transformadas em urbanas para a expansão da cidade e novos loteamentos. É uma necessidade, porque a cidade cresce e precisa ser atualizada.”(Redação: Assessoria de Imprensa da Câmara de Portão DRT 000239/2009-97 // Foto: Divulgação / Câmara)
Reunião Plano Diretor

 

As 18 alterações no Plano Diretor

Posted in Uncategorized às 4:52 pm por redestyllus

  1. Alteração de zoneamento de Zona Residencial-1 para Zona Mista ao longo da rua São Leopoldo, lado direito, na direção centro-bairro;
  2. Alteração de Zona Industrial-2 para Zona Mista numa faixa de 100m ao longo da Rodovia ERS-240, sentido Portão-Capela de Santana, no lado esquerdo, de um ponto distante de 50m da Rua São Leopoldo, até a Estrada do Garcês, limitando a Zona Residencial 2;
  3. Ampliação da Zona Industrial, com ampliação de perímetro urbano como Zona Industrial-1, no bairro Rincão do cascalho, distando 200m ao longo da Rodovia ERS-240, sentido Portão-Capela de Santana, lado direito e pelo lado esquerdo, a partir da Estrada do Garcês. Foi ampliada a Zona Industrial-2 até esta estrada(expansão urbana) e, ao longo desta, foi criada uma zona urbana servindo de transição da Zona Industrial para Zona Residencial-2;
  4. Numa faixa de aproximadamente 100m ao longo da Rua Oscar Melo, servindo de transição entre Zona Residencial e Zona Industrial-1;
  5. Alteração de zoneamento no Rincão do cascalho de Zona Industrial 1 para Zona Mista ao longo da Estrada do Faxinal Campo Grande;
  6. Ampliação do perímetro urbano(área de expansão) Zona Residencial 2, Rua das Azaléias e o Arroio Cascalho, identificação de zoneamento de Zona Rural para Zona Residencial;
  7. Alteração da Zona Residencial 2 para Zona Mista, em vista de empresas localizadas na região entre a Rua José Winck até o limite da rua José de Anchieta, em 200m da Rua Julio de Castilhos;
  8. Ampliação Perímetro urbano(zona de expansão) em área já existente como Zona Residencial 3 no Rincão do Cascalho(Descrito na área 7 e Mapa);
  9. Ampliação do perímetro urbano, como Zona Residencial 2, ao longo da Rua São Leopoldo, lado esquerdo no sentido centro-bairro;
  10. Zona de expansão urbana de zona Residencial 2, localizada na Vila Rica, em área que faz frente para Rua Júlio de Castilhos, próximo à zona residencial;
  11. Área localizada no bairro Estação Portão, altera zoneamento de Zona Industrial 2 para Zona Mista, região de residências;
  12. Alteração de zoneamento no perímetro compreendido a partir da ERS-122 até a Rua da Divisão pelo lado esquerdo até o limite da área de mineração da Zona Rural para Zona Mista;
  13. Inclusão de reserva de área para Parque Municipal de Eventos, área localizada no Portão Velho com frente para Rodovia ERS-240;
  14. Alteração da Zona Industrial-1 em Zona Mista(região que possui moradias) situação consolidada localizada no bairro Portão Velho, fundos para empresa Bombas Beto. Prolongamento das Ruas Tapajós e Tupinambá até o prolongamento da Rua Tapuia, para que este loteamento tenha acesso pelo Município de Portão, atualmente somente é possível acessar pelo Município de São Leopoldo;
  15. Área na divisa com Município de Estância Velha, junto do Arroio Nabinger, onde faltava identificação de zoneamento, ficando aprovado pelo Conselho por Zona Mista;
  16. Projeção de ruas, prolongamento(Loteamento São Luiz): Rua São Lucas, Rua Taquara e Rua Santo Inácio;
  17. Prolongamento de vias(Portão Velho): Rua Canela e Carvalho até a avenida Ceará;
  18. Prolongamento da Rua Tuiuti até a Rua Vera Cruz, bairro Portão Velho.(Redação: Assessoria de Imprensa da Câmara de Portão DRT 000239/2009-97)

Dia Saudável no SESI

Posted in Uncategorized às 4:50 pm por redestyllus

No Domingo, 28 de agosto a partir das 14:00 hs no SESI de Portão ocorre mais uma edição do Dia Saudável no SESI oferecendo as seguintes atividades: Praça dos brinquedos; Oficina de futebol 7 E basquete; Jogos de mesa (tênis de mesa; fla-flu); Jogos de tabuleiro (dama, dominó E xadrez); Aulão de ginástica funcional; Avaliação física (balança de bioimpedância); Massagem; Verificação de pressão arterial; Teste de glicose; Espaço mary kay E akmos e Ervateira amizade.(Redação: Micheli Maciel, Agente de Relações com o Mercado SISTEMA FIERGS).

agosto 23, 2016

Posted in Uncategorized às 2:35 am por redestyllus

Resumão da CV em JPEG

Confira abaixo a síntese dos pronunciamentos dos Vereadores na Tribuna da Câmara, na sessão de 22 de agosto de 2016:

José Volmar Wogt(PDT) – Vereador defendeu no Grande Expediente que ”mais uma vida foi ceifada na Avenida Brasil. O departamento de trânsito deveria dar uma atenção melhor para a cidade, quem sabe copiando o exemplo de Ivoti. Sugiro colocar taxões para que somente um veículo passe evitando que novos acidentes sejam provocados para que vidas sejam salvas”.

Silvio Luiz Soares(PTB) – Vereador comentou no Grande Expediente que “apesar da promessa dos Vereadores em fazer uma campanha limpa, isso não está acontecendo. Tenho vergonha de usar a tribuna para dizer isto. A emenda parlamentar do deputado federal Sérgio Moraes para o recapeamento asfáltico não chegou antes das eleições, e segundo isto um determinado candidato afirmou que estaria sendo usado para asfalto de outras ruas. Isso não é verdade, devemos ter respeito com os outros evitando mentir para o eleitor. O que prometo eu cumpro, foi um dos legados que herdei do meu pai. Garanto que até o final do ano as três ruas estarão asfaltadas, primeiro tem de passar o período eleitoral pois a Lei não permite neste momento”.

Diego Martins(PMDB) – Vereador salientou “a audiência pública do dia 24 de agosto sobre segurança pública é para ouvir a comunidade aproveitando a presença dos diversos setores da comunidade, e não política como alguns estão afirmando. A briga de duas meninas na Escola Portão Velho com uma delas tentando esfaquear a outra demonstra o quadro atual dos pais que estão terceirizando a educação para a escola. A menina já tem outros registros, e o promotor está cuidando do caso”.

João Pedro Gaspar dos Santos(PT) – Vereador citou “a morte de Valdoni, popular Pinto na Estação Portão só reforça a necessidade desta audiência pública. O filho Júlio César(Pintinho) comentou no Sábado, 20 de agosto que “acredito que a morte do meu pai não seja em vão”.

Gérson Roza(PMDB) – Vereador salientou “precisamos pensar atos para mudar esta realidade onde os pais estão terceirizando a educação dos filhos para a escola”.

Jorge Rodrigues Flores(PSB) – “As pessoas não sabem do poder de Deus. Tem candidato(do bairro Portão Novo) que não é Vereador, porém almeja a vaga dizendo que o Jorginho está quase morto” afirmou o Vereador no Grande Expediente.

São Jorge debate segurança pública dia 24

Posted in Uncategorized às 2:33 am por redestyllus

O quadro já era complicado e se agravou depois do latrocínio ocorrido na noite da última segunda-feira, no bairro Estação Portão. A preocupação com a insegurança mobiliza a Câmara Municipal de Portão, a Associação de Moradores do Bairro São Jorge e a Brigada Militar, que vão realizar reunião na próxima Quarta-feira, 24 de agosto, às 19:30 hs.

“O evento ocorre na sede da associação. Deixamos um apelo para a comunidade compareça em grande número para mostrar o nível de gravidade da situação”, destaca o Vereador João Pedro Gaspar dos Santos(PT), que encabeça a atividade ao lado da diretoria da associação e do Vereador Diego Martins (PMDB). A sede fica na Rua Antônio Bühler, 419, São Jorge.

Segundo João Pedro, a criminalidade e a violência atingiram níveis absurdos. No bairro São Jorge, os roubos são diários e até mesmo alunos saindo da escola têm sido atacados por bandidos.

“Comenta-se que este caso do latrocínio não foi isolado. Os mesmos delinqüentes teriam cometido outros roubos, antes e depois do assassinato”, relata.(Redação: Assessoria de Imprensa da Câmara de Portão DRT 000239/2009-97)

IMG_9769 João Pedro nova agosto 2016

agosto 21, 2016

Posted in Uncategorized às 3:59 pm por redestyllus

Foto um apresentação

Próxima página

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.